Close
 
 
 

Select your favorite topics
wait

Congratulations

Your registration was successfully completed!

Palácio do Correio Velho sent you an email to confirm your registration to:

It is advisable to add the address <info@news-pcv.pt> to your mailing list of trust to ensure the correct reception of messages sent by Palácio do Correio Velho.

PCV Logo
Back to lots page

MANUEL JORGE, Des. aguarelado s/ papel, 12 x 17 cm

Online Auction - 22 of May at 10:00 to 25 of May at 22:00
0019

MANUEL JORGE, Des. aguarelado s/ papel, 12 x 17 cm

€ 30

MANUEL JORGE (n. 1924)
Lisboa Antiga
Desenho aguarelado sobre papel
Assinado
Dim. aprox.: 12 x 17 cm.

Note

Emoldurado.

Categories

Comission

24,60 %

About the author

MANUEL JORGE (n. 1924)

Fez os seus primeiros estudos na Escola Técnica Afonso Domingues, em Lisboa. Em 1941, durante a II Guerra Mundial, com 17 anos, deixou de estudar e ingressou na Marinha Portuguesa, como voluntário.
De 1941 a 1945 esteve estacionado em Cabo Verde, Madeira e Açores. Na Marinha teve a oportunidade de ir a Marrocos e ao Brasil.
Em Dezembro de 1945 saiu da Marinha e recomeçou a estudar, desta vez na Escola António Arroio.
Nos princípios de 1946 começou a trabalhar em vitral.
Entre 1946 e 1948 desenvolveu a sua técnica, realizando muitos trabalhos decorativos, entre os quais para a Exposição do Ministério das Obras Públicas, sob a supervisão do Professor Arquitecto Frederico George e para a Comemoração do IX Centenário da Cidade de Lisboa, sob a direcção de Leitão de Barros.
Estes dois importantes eventos tiveram lugar em 1947 e Manuel Jorge trabalhou entre os melhores Artistas Portugueses.
Entretanto, em 1948, conclui o seu Curso de Enfermagem, na Escola de Enfermagem de Lisboa.
Enquanto trabalhava no Hospital, ele sempre tentou estar onde a ajuda de emergência era mais necessária. Isto deu-lhe uma das maiores experiências na vida, aprendendo não só a anatomia do corpo, mas também a anatomia do invisível, aquela que ele não podia aprender nem olhando nem tocando, mas com a sensibilidade do coração: a anatomia da Alma.
O período entre 1948 e 1955 foi um dos seus melhores.
Sob a influência das suas emoções diárias, criou figuras mostrando um intenso interesse humano nas gentes, nas suas vidas, nas suas actividades, nos seus sofrimentos e nas suas alegrias, revelando, nos seus profundos sentimentos, uma visão da Alma.
Nos finais de 1955, Manuel Jorge deixa a Enfermagem e passa a dedicar-se, exclusivamente, à Pintura e à Decoração.
Em 1957 e em 1958 foi convidado, uma vez mais, pelo Professor Frederico George para fazer parte do pequeno grupo artístico para a decoração dos Pavilhões das Feiras Internacionais de Bruxelas, Bélgica e Colónia, Alemanha. Enquanto em Bruxelas decorou o Pavilhão do Brasil.
Desde 1960 colaborou:
Feira Industrial Britânica - Lisboa
Feira Internacional Portuguesa - Lisboa
Teatro Nacional de São Carlos - Lisboa (Como cenógrafo)
Museu de Marinha - Lisboa
50º Centenário das Comemorações do Infante D. Henrique - Lisboa
Exposições:
Alemanha
Bélgica
Canadá
Portugal
E. U A. (Miami)
Manuel Jorge está representado em muitas colecções privadas.

 
REQUEST INFO

WE INFORM OUR CUSTOMERS THAT: DUE TO THE COVID-19 PANDEMIC RESTRICTIONS:
- PAYMENTS WILL BE ACCEPTED, EXCLUSIVELY BY BANK TRANSFER OR CREDIT CARD, ON THE WEBSITE;
- THE PICK UP AND TRANSPORT OF THE ACQUIRED LOTS WILL BE CARRIED OUT, EXCLUSIVELY, BY IBEROMAIL, SA (CERTIFIED COMPANY), BY PRIOR APPOINTMENT TO: MARIANA.SOUSA@PCV.PT

All information contained on our website are the exclusive property of the Palácio do Correio Velho and can not be reproduced without prior authorization.